Vale do Pinhão mostra revolução inteligente de Curitiba no Smart City



Coração do Smart City Expo Curitiba 2022, que ocorre na próxima quinta (24/3) e sexta-feira (25/3) no Expo Barigui, o Smart Plaza Vale do Pinhão irá reunir ações de cidade inteligente da Prefeitura e do ecossistema de inovação da capital que estão mudando a vida dos curitibanos.


Nos dois dias da edição brasileira do maior evento de cidades inteligentes do mundo, o Smart Plaza Vale do Pinhão terá exposição e pitches (palestras rápidas) de representantes de startups, universidades, hubs de inovação, entidades de fomento, movimentos sociais, do setor de economia criativa e de órgãos do município.

O Smart Plaza Vale do Pinhão integra a área de exposições do evento, que terá visitação gratuita. Será preciso apenas fazer inscrição no site do Smart Ciy Expo Curitiba 2022. Apenas a área do congresso é paga. O evento internacional ocorre no dia 24, das 8h30 às 18h, e no dia 25, das 9h às 19h45.

“O Smart Plaza Vale do Pinhão, uma espécie de praça central do fórum internacional, irá reunir propostas pioneiras do Vale do Pinhão, o movimento da Prefeitura e todo o ecossistema de inovação de Curitiba”, antecipa Cris Alessi, presidente da Agência Curitiba, órgão responsável pela política de inovação da cidade e organizador do Smart Plaza.


Telão multitouch

Em um telão multitouch, o visitante conhecerá no Smart Plaza Vale do Pinhão iniciativas da Prefeitura, como os Faróis do Saber e Inovação, o aplicativo Saúde Já, o pioneiro serviço de telemedicina da capital, a Fazenda Urbana, a Muralha Digital e o Wi-Fi Curitiba. Além disso, programas de apoio ao empreendedorismo, como Tecnoparque, Worktibas, Bom Negócio e Empreendedora Curitibana serão apresentados aos participantes da 3ª edição do Smart City Expo Curitiba.


O Smart Plaza Vale do Pinhão receberá também tablets com apresentações interativas de outras inovações da cidade, como as consultas públicas Fala Curitiba, o programa de hortas urbanas, o Alvará Digital, o Curitiba APP, o Estar Digital, o Smart Parking e a Escola de Turismo.


Projetos que irão transformar a cidade, nos próximos anos, como o Bairro Novo do Caximba, o Novo Inter 2 e o Pinhão Hub, primeiro prédio inteligente público de Curitiba, também serão mostrados.


Exposição e pitches

O público que visitar o Smart Plaza Vale do Pinhão ainda poderá apreciar soluções, tecnologias e serviços de cidade inteligente desenvolvidos por startups do ecossistema do Vale do Pinhão. Estarão sendo expostos, pela manhã (das 9h às 13h) e à tarde (das 13h às 18h), hortas para apartamentos equipadas com solução que dispensa a necessidade de luz natural, óculos de realidade virtual que permite praticar inglês como se estivesse na Inglaterra, sensores que tornam os bueiros “inteligentes” e reduzem a chance de enchentes, e dispositivos criados por estudantes universitários curitibanos que mostram o melhor caminho para circular de bicicleta.


Já os pitches (palestras rápidas) serão a chance de os visitantes conhecerem mais tanto sobre os serviços inovadores do município como de todo o ecossistema do Vale do Pinhão. As apresentações terão duração de 5 a 10 minutos e não precisam de agendamento. Basta sentar em um dos pufes em frente ao telão que irá fazer as vezes de fundo de palco.


Evento

Depois da interrupção dos eventos presenciais pela pandemia, o Smart City Expo Curitiba retorna em 2022 para o Expo Barigui. O fórum internacional na capital é organizado pelo hub curitibano iCities Smart Cities Solutions e tem a chancela da Fira Barcelona, responsável pelo Smart City Expo World Congress, o maior evento sobre cidades inteligentes do mundo, que ocorre anualmente na Espanha.

O Smart City Expo Curitiba 2022 tem apoio da Prefeitura, da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação e do Vale do Pinhão.

O tema da terceira edição do Smart City Expo Curitiba será New Cities for New Humans, para abordar o impacto das conexões globais e inteligentes na retomada da vida e da economia no pós-pandemia. A expectativa de público do evento em 2022 é de 15 mil pessoas, somando o público presencial e o que deve acompanhar a programação digital. Em 2019, última edição presencial, o evento teve a participação de 7 mil pessoas.



4 visualizações0 comentário