Pró-Metrópole participa do lançamento da nova estratégia de atendimento do Sebrae em Curitiba




O Sebrae Paraná realizou a cerimônia de lançamento da nova estratégia de atendimento, na tarde desta segunda-feira (21), na sede do Sebrae, em Curitiba. O ato marcou ainda o ano especial de celebração dos 50 anos do Sebrae, que visa transformar o período do cinquentenário em uma oportunidade para reforçar a relevância dos pequenos negócios no desenvolvimento socioeconômico do estado e do país.


O Diretor Superintendente Sebrae-PR e vice-presidente do Pró-Metrópole, Vitor Roberto Tioqueta, fez a saudação inicial, após a veiculação de um vídeo institucional e destacou a criação da Regional Curitiba de atendimentos. Comentou sobre a diversidade dos bairros da capital e a necessidade do “reconhecimento do potencial de cada região”.


Ainda considerando a novidade do atendimento, ele citou brevemente o histórico de trabalho que trouxe a formação dos principais pilares para consolidação do trabalho. Entre eles estão: a articulação para instalação de 10 Pontos de Atendimentos, ampliação do portfólio do canal Sala do Empreendedor, aumento no atendimento presencial e digital nos bairros


O vice-prefeito de Curitiba e presidente do programa Pró-Metrópole, Eduardo Pimentel Slaviero, também fez um pronunciamento e citou os eixos de trabalho do grupo, agradecendo a colaboração do Secretário Municipal de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Curitiba, Leverci Silveira Filho.


“Temos a integração metropolitana, turismo e pequenos negócios e agro. Vamos ajudar nessa parceria (com o Sebrae), que é muito importante”, destacou.

O responsável pela Regional Curitiba do Sebrae, Joailson Agostinho, apresentou o panorama de empreendedores na região e fez uma explanação sobre as novidades na estratégia de atendimento, assim como as metas estabelecidas.


“Curitiba é a maior Regional em termos de potencial de mercado e a melhor capital do Brasil para empreender”, salientou Joailson Agostinho.

Ele mostrou estatísticas, que apontam mais de 440 mil empresas ativas nos 75 bairros da capital paranaense. Explicou ainda que será encaminhado 01 consultor para duas regionais, totalizando 05 consultores na implantação dos chamados “Escritórios de Articulação”.


Segundo ele, a meta é atender 30 mil empresários até dezembro de 2022.






12 visualizações0 comentário