Falta pouco para nascer o Complexo de Segurança Alimentar do Capanema



Estão em fase avançada as obras do novo Armazém da Família Capanema e do Espaço Social do Mesa Solidária, sob o Viaduto Capanema, no bairro Jardim Botânico. Os dois espaços somados ao Restaurante Popular do Capanema que já funciona no lado oposto do viaduto integrarão o inédito complexo de segurança alimentar da Prefeitura na região, que será referência em alimentação saudável e solidariedade.


São 661,66 m² de área construída, sob a coordenação do Departamento de Edificações da Secretaria Municipal de Obras Públicas, com o investimento de R$ 1.728.810,14. A previsão é de que as obras dos dois espaços, que ficam lado a lado, sejam concluídas no primeiro semestre de 2022.


Com a intervenção, a Prefeitura progride nas ações de qualificação da região da Rodoferroviária de Curitiba e do Mercado Municipal, além de fortalecer as estruturas de atendimento à população menos favorecida.

“O local, onde antes pessoas em situação de risco e usuários de drogas permaneciam de forma insalubre, está florescendo para a vida, para a vida de uma cidade que tem respeito por todas as pessoas, em especial, as mais vulneráveis”, destaca o prefeito Rafael Greca.

O secretário municipal de Obras Públicas, Rodrigo Rodrigues, fala da importância da intervenção para a cidade. “É mais uma obra do município que transforma um vazio urbano num equipamento a serviço da população que mais precisa”, diz.


Armazém da Família

O Armazém da Família Capanema será o 35º equipamento do gênero administrado pela Secretaria Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional na cidade. Os armazéns vendem alimentos e itens de higiene e limpeza em média 30% mais baratos que os mercados comuns.


Com 340 m² de área construída, o espaço contará com amplo ambiente para a comercialização dos produtos, sala para serviços administrativos, banheiros, vestiários e refeitório para os funcionários, área de recebimento de material e depósito.


A estrutura de concreto está finalizada, janelas e portas foram instaladas e os serviços de instalação elétrica estão concluídos. As equipes trabalham agora nos acabamentos do interior. Faltam a instalação das luminárias, da porta elétrica que dará acesso ao depósito, das grades de metal na lateral do prédio, pintura interna, além do estacionamento para veículos na parte frontal. Os serviços para implantação do estacionamento começam nas próximas semanas.


Espaço Social

Já no Espaço Social, cuja área construída é de 320 m², as equipes também estão trabalhando nos acabamentos internos, faltando a instalação dos equipamentos da cozinha, pintura e do estacionamento.


O Espaço Social Capanema terá cozinha e salão de refeições com 80 lugares para pessoas em situação de risco atendidas pelo Mesa Solidária, o programa da Prefeitura e parceiros para garantir alimentação de qualidade em lugares dignos a pessoas socialmente vulneráveis. A previsão é que o Espaço Social do complexo do Capanema receba, diariamente, cerca de 500 pessoas, que terão acesso a café da manhã, almoço e jantar.


O local contará, logo na entrada, com pias para higienização das mãos, espaços para guarda-volumes, banheiros, área de serviço, área administrativa, vestiário para os funcionários, depósito de resíduos e casa de gás.O Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Prefeitura preparou eventos, de quarta (1/12) a sexta-feira (3/12), para marcar o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, celebrado em 3 de dezembro. O pré-lançamento de um clipe musical, um fórum metropolitano e a Feira de Empregabilidade para Pessoas com Deficiência vão marcar a data internacional.


A programação começa nesta quarta-feira (1/12), com o pré-lançamento do clipe musical Sem Reclamar, da cantora e compositora Amanda Lyra. O evento acessível será no Cine Passeio, na sala Valêncio Xavier, que possui piso plano e cadeiras convencionais. Serão três sessões de exibição das duas versões do clipe, com e sem audiodescrição, às 14h, 15h e às 16h.

Amanda Lyra vai participar do pré-lançamento e atender a imprensa. A artista tem atrofia muscular espinhal do tipo 3 e todas as pessoas que aparecem no clipe também têm deficiência. O clipe conta com recurso de Libras, legenda e audiodescrição.

O Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência apoia o evento de pré-lançamento do clipe Sem Reclamar, gravado e produzido com recurso da Lei Aldir Blanc.

Fórum Metropolitano

Na quinta-feira (2/12), o Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência vai promover Fórum Metropolitano dos Direitos da Pessoa com Deficiência. A reunião será on-line, das 9h às 12h, pela plataforma Zoom. O tema do fórum é Pessoa com Deficiência em Situação de Risco.


O convite de participação foi enviado para as outras 28 cidades que compõem a Região Metropolitana de Curitiba. Representantes do Ministério Público do Paraná também vão participar.

“Vamos discutir como as cidades têm atendido casos de vulnerabilidade de pessoas com deficiência. A ideia é construirmos redes de atendimento entre as cidades”, explicou a coordenadora do Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Fernanda Primo.

Além do departamento, a Prefeitura de Curitiba também vai participar do fórum com representantes das secretarias municipais da Educação e Saúde e da Fundação de Ação Social (FAS), que compõem a Rede de Atendimento Psicossocial.


Ao longo desta semana, o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência (CMDPcD) também vai divulgar vídeos nas redes sociais falando sobre pessoas com deficiência. Nesta quarta-feira (1º/12), o CMDPcD vai promover uma live no YouTube com o tema "O protagonismo das pessoas com deficiência". A live será às 10h pelo canal do Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência.


Feira da Empregabilidade

O Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, na sexta, terá a Feira de Empregabilidade para Pessoa com Deficiência, das 9h às 15h, na sede do departamento (Rua Schiller, 159, Cristo Rei).


A feira conta com participação de 15 empresas e também de uma equipe do Sistema Nacional do Emprego (Sine). As vagas são somente para pessoas com deficiência e o atendimento é por ordem de chegada. Haverá senhas para o atendimento do Sine.

Entre as vagas disponíveis estão a de analista de sistemas, analista de telemarketing, auxiliar de limpeza, auxiliar de produção, auxiliar financeiro. Uma equipe da FAS Trabalho também vai participar e fará o cadastro para o programa Aprendiz, além de dar informações sobre o programa Liceu de Ofícios.


A organização da Feira de Empregabilidade para Pessoa com Deficiência é do Setor de Apoio à Empregabilidade do Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência.

Durante toda a feira, as intérpretes da Central de Libras vão ajudar na acessibilidade das informações para os deficientes auditivos.


Serviço: Feira de Empregabilidade para Pessoa com Deficiência

Data: 3 de dezembro Horário: das 9h às 15h Local: Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Rua Schiller, 159, Cristo Rei).






14 visualizações0 comentário