Buscar
  • Luiz Ribeiro

Eletromobilidade - Curitiba estuda triarticulado elétrico para o eixo Leste-Oeste



O SRT (Super Rapid Transit), veículo triarticulado elétrico com 36 metros de comprimento e capacidade para transportar 320 passageiros, foi apresentado nesta quinta-feira (4/11) à equipe técnica de mobilidade e transporte do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), como opção de estudo para o eixo Leste-Oeste.

A apresentação foi feita, a partir de Xangai, por representantes da empresa chinesa CRRC Corporation Limited, fabricante dos veículos, em reunião por videoconferência com a participação do presidente do Ippuc, Luiz Fernando Jamur; do diretor de Transportes da Urbs, Aldemar Martins Neto; de técnicos do New Development Bank (NDB), organismo financiador do projeto do corredor Leste-Oeste.

“A operação de ônibus elétricos com maior capacidade nos eixos troncais faz parte da evolução do transporte de Curitiba proposta pelo prefeito Rafael Greca. A opção apresentada pela fabricante chinesa integra os estudos em desenvolvimento pela Prefeitura”, observou Jamur.

A reunião serviu para apresentar o veículo que hoje opera na cidade de Yancheng, província chinesa de Jiangsu, e para a troca de informações técnicas sobre estudos de viabilidade. O SRT é apresentado como uma evolução do BRT (Bus Rapid Transit) com maior capacidade de transporte e velocidade, além de contar com sistemas inteligentes de operação para o conforto dos usuários.

“O SRT é o primeiro modelo de ônibus triarticulado movido a eletricidade que vimos disponível e que pode ser aplicado no sistema existente em Curitiba. Ainda estamos numa fase preliminar de estudo. A viabilidade da operação depende de análises técnicas mais aprofundadas”, explicou o presidente do Ippuc.

A CRRC é especialista na fabricação de trens urbanos elétricos e a diesel, trens de alta velocidade e locomotivas para uso em engenharia.


Por parte do NDB acompanharam a apresentação os integrantes da equipe do banco em Xangai e no Brasil, Fernando Silva, Ludmila Vidigal Silva e Marcos Thadeu Abicalil, Jennifer Nie e Diyun Wnag. Também participaram representantes da WRI Brasil, Eduardo Henrique Siqueira, e do C40, Ilan Cuperstein, que dão suporte ao projeto curitibano.


Da equipe do Ippuc participaram os integrantes do setor de mobilidade e transporte Olga Prestes e Fabiano Losso e os técnicos envolvidos nos projetos com investimentos externos Ana Jayme, Ismael França e Cléver de Almeida e o assessor da presidência Ricardo Bindo.




6 visualizações0 comentário