Curso gratuito de Educação Financeira ensina a economizar e poupar


Planejar e controlar gastos pessoais não é uma tarefa fácil para muitas pessoas. E foi essa dificuldade que levou 11 pessoas a participar do curso Educação Financeira ofertado gratuitamente pelo programa Liceu de Ofícios, da Fundação de Ação Social (FAS), nesta quinta-feira (21/7).


A aula foi realizada no Liceu de Ofícios Bairro Alto e reuniu donas de casa, cuidadora de idosos e até adolescentes.


Coordenado pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), parceiro da FAS para a oferta de cursos de desenvolvimento comportamental, o curso apresentou ferramentas para gerenciamento e controle das finanças pessoais. Entre os conteúdos abordados estiveram o planejamento financeiro pessoal, controle das finanças, perfil financeiro e do investidor, além de mercado e soluções financeiros e tipos de créditos.


“Esse curso buscar conscientizar as pessoas sobre a importância da educação financeira, que precisamos tratar o dinheiro com respeito, saber economizar, fazer poupança e acompanhar o patrimônio que adquirimos”, explicou o economista e instrutor do CIEE, Laertes Márcio Hoizer de Sousa.

Conhecimento


Ketlin Tainara da Fonseca, 25 anos, foi uma das alunas do curso, que tem quatro horas de duração. Com a filha Jade, de apenas 6 meses, no colo, a dona de casa ouviu atenta as instruções.

“Vim até aqui para aprender, porque aprendizado ninguém tira da gente”, comentou Ketlin, que até um mês atrás trabalhava como auxiliar de logística nos Correios. Esse é o segundo curso que ela faz desde que deixou o trabalho. O primeiro foi de Auxiliar Administrativo, também oferecido pelo Liceu de Ofícios.

O adolescente Gustavo Jesus França, 14 anos, também participou do curso. Estudante do 8º ano ele pensa em começar a trabalhar como aprendiz e quer aprender desde cedo sobre como lidar com o dinheiro.


Oportunidades

Além do curso Educação Financeira, neste mês o Programa Liceu de Ofícios oferece outros 19 oportunidades gratuitas de desenvolvimento pessoal e de qualificação profissional para a população. Algumas turmas são destinadas exclusivamente para pessoas em situação de rua.


Os cursos são promovidos em parceria com CIEE e com o Sistema Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).


Quem quiser aproveitar a oportunidade pode pesquisar e se inscrever no Portal Aprendere. Mais informações podem ser obtidas no telefone (41) 3250-7442.

Texto: PMC





2 visualizações0 comentário